Bélgica, Europa, Mundo Afora

Roteiro de 6 dias na Bélgica – o que fazer

roteiro-6-dias-belgica

Um roteiro de 6 dias na Bélgica foi o que preparei para esta viagem que havia prometido a Elisa como comemoração pelo seu aniversário. Depois de pesquisar as possibilidades, achei melhor visitarmos três cidades neste primeiro momento: Bruxelas, Gante e Bruges. Antuérpia estava nos planos, mas achei que ficaria muito corrido e decidimos deixar para a próxima. Desculpa perfeita para voltar.

canal em Bruges

 

Conheça nosso roteiro de 6 dias na Bélgica

Dividi a viagem da seguinte forma: de 10 a 12 em Bruxelas, de 12 a 14 em Gante e 14 e 15 em Bruges, em outubro, início do outono. Dia 15 a noite voltamos para Bruxelas,  pois nosso voo para Madrid saía dia 16 pela manhã. O tempo estava ótimo, já não fazia mais o calorão do verão europeu, mas ainda não havia esfriado.

Chegamos bem cedo e como só poderíamos entrar no apartamento que alugamos à tarde, decidimos ir direto ao centro e já começar a explorar a cidade. Para sair do aeroporto existem três opções: táxi, shuttle ou ônibus+trem. Descemos no aeroporto de Charleroi, que fica bem afastado do centro da cidade.

estação central em Bruxelas
Estação Central de Bruxelas

Não é nada barato sair deste aeroporto e todas as opções acabam pesando. Claro que o táxi, para quem está sozinho, é mais caro. O taxista cobrou 90 euros para levar-nos até o centro. O Shuttle custava €17 euros (comprando antecipado pelo site custa €14,20) e o ônibus + trem acabou sendo, para nós, o mais barato, já que Elisa pagava menos por ser jovem (menos de 26 anos). Custou €15 minha passagem e €6 a dela. Pela pouca diferença de preço, o Shuttle pode valer mais a pena, no caso de serem todos adultos. Isso porque o Shuttle leva direto à estação central Gare du Midi, enquanto que a segunda opção é preciso ir até a estação de trem de Charleroi e dali pegar um trem para o centro da cidade. As passagens podem ser compradas na hora, nas máquinas disponíveis na parte externa do aeroporto.

catedral de Gante na Belgica
Catedral de Gante

Em um roteiro de 6 dias na Bélgica e 3 cidades, otimize o tempo!

Enquanto estávamos no trem, já mudei nossa reserva de hotel do último dia. Procurei um que ficasse perto do aeroporto para não ter toda esta mão na manhã da viagem. Consegui um quarto no Ibis que fica bem ao lado do terminal, daria para ir a pé em 15 minutos.

Como foram nossos passeios em Bruxelas eu conto neste post mais detalhado. Mas já adianto que nos locomovemos pela cidade, entre pontos mais distantes, de trem. O bom de usar o trem é que um bilhete vale para o dia todo, na mesma região. Ou seja, se você vai passear por Bruxelas, compra o bilhete pela manhã e usa quantas vezes quiser durante o dia. O bilhete custa €2,30.

Fomos para Gante de trem, na manhã do dia 12. Pagamos €15,70 (9,30 eu e 6,40 a Elisa). Tem trem seguidamente e ir de uma cidade a outra não é um problema. Inclusive é um dos bate-e-voltas mais comuns na região. A viagem dura cerca de 40 minutos.

Fomos caminhando até nosso apartamento, mas existem ônibus e trens de superfície ligando toda a cidade, o Tranvía. Deixamos as malas no apartamento e em 20 minutos de caminhada já estávamos no centro. Que cidade linda e apaixonante!! Optamos por fazer tudo a pé, já que não existem grandes distâncias entre um lugar e outro. Mas descobrimos um micro-ônibus  gratuito, um hop on- hop off que nos levava por todo lado. Adorei passear nele e no post de Gante dou todas as dicas.

Hop on Hop off grátis em Gante

Achei a passagem de Tranvía carinha em relação à distância percorrida. A passagem custa 3 euros e no nosso caso não valia a pena ter este gasto. Fizemos tudo caminhando, além de econômico, emagrece (temos que queimar os waffles e batatas-fritas!).

Saímos para Bruges no domingo pela manhã. O trem entre uma cidade e outra custa €6,80 a tarifa adulto. A Elisa teve um desconto, como sempre, mas desta vez nada demais, €6,40. A viagem é rápida, cerca de 30 minutos, e com trens saindo com bastante frequencia.

praça central de Bruges
Centro de Bruges

Desta vez, ficamos em um hostel. Minha primeira experiência neste tipo de hospedagem e tivemos sorte, era muito bom. De todas as hospedagens desta viagem, sem dúvidas esta foi a melhor. Mas este é um tema para o post específico de Bruges.

Dificíl dizer qual cidade é mais encantadora neste nosso roteiro de 6 dias na Bélgica, mas tenho que confessar que meu coração balança por Gante fortemente. Em termos de beleza, as duas últimas empatam. Elisa já gostou mais de Bruges, então já dá pra perceber que esta é uma peleia (briga, em bom gaúchês!) braba! Vou contar tudo o que fizemos nestes dias, os lugares que visitamos e a overdose de waffles e batatas que tivemos nesta viagem pela Flandres!

Nos vemos no próximo post, em Bruxelas! Beijos de MEL 🙂

 

Vindo para Bélgica? Aproveite as ofertas de hospedagem do Booking!

 

Lembre-se: o seguro é obrigatório nas viagens para a Europa. Contrate o seu aqui!

 

Precisando de carro para viajar? Faça sua cotação por este link da Rentcars, nossa parceira de viagens

 

Viva Madrid Tours exclusivos e personalizados

Conheça Madrid em um tour exclusivo e personalizado, em português, com quem vive aqui e vai te mostrar a cidade com os olhos de morador e a curiosidade de quem está sempre procurando coisas novas e é encantada pela cidade!

Para mais informações entre em contato pelo e-mail contato@melamilpelomundo.com ou pela nossa página https://www.facebook.com/vivamadridturismo/

Sabia que pelo blog você pode programar toda sua viagem?

Procurando hospedagem em Madrid? Faça sua reserva conosco pelo Booking. Desta forma você estará colaborando com o blog sem nenhum custo adicional para sua viagem e ainda aproveita ofertas exclusivas para nossos leitores.

Se precisar de transfer do aeroporto até o seu hotel e vice-e-versa, conte com nossos parceiros, que estarão te esperando no desembarque, oferecendo toda a comodidade para que sua chegada seja tranquila. Aproveite e compre os ingressos sem fila, aproveitando cada segundo da sua estadia!

Precisa alugar um carro? Reservando conosco pela Rentcars você consegue as melhores condições e ainda colabora com o blog, sem nenhum custo adicional.

Não esqueça que para entrar em alguns países o seguro de viagem é obrigatório. Faça sua cotação com nosso parceiro e obtenha as melhores condições junto às melhores seguradoras do país.

Quer chegar ao seu destino já totalmente conectado, com internet ilimitada e acesso ao Whatsapp, redes sociais e Maps? Compre seu chip da Easysim4u aqui conosco e compartlhe os melhores momentos!

Para ir de uma cidade a outra na Europa o trem é uma experiência inesquecível. Compre suas passagens aqui conosco, pela Rail Europe e conheça a Europa de trem. Você não tem nenhum custo adicional e ainda colabora com o blog.

 

 

 

 

 

Juliane

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados *

Error: Access Token is not valid or has expired. Feed will not update.
This error message is only visible to WordPress admins

There's an issue with the Instagram Access Token that you are using. Please obtain a new Access Token on the plugin's Settings page.
If you continue to have an issue with your Access Token then please see this FAQ for more information.




© Copyright - 2017 Mel a mil pelo mundo. Todos os direitos reservados.