Espanha, Madrid

Coronavírus em Madrid – fique por dentro

coronavirus-em-madrid

Coronavirus em Madrid – site oficial do governo

Coronavírus em Madrid – muitos clientes me perguntam como está a situação na cidade, se é seguro vir ou melhor cancelar a viagem. Sem achismo, vamos a situação real, informada pelos sites oficiais do governo.

Imagem: Reuters

Queridos leitores, clientes e amigos. Como prometi deixar todos informados, vou atualizar a informação aqui sem apagar o que escrevi antes da Espanha entrar em Estado de Alerta. Assim vocês terão uma noção exata de como o Covid-19 pode mudar a sua via de um dia para o outro. O texto original deixo em azul.

Desde o dia em que escrevi este post, 06 de março, as coisa mudaram em uma velocidade absurda. Se naqueles dias eu estava ainda achando que o Coronavírus em Madrid era algo bem distante e pouco preocupante, hoje lhes digo que mudei de opinião.

Daquele dia pra cá, escolas fecharam, depois os centros públicos – bibliotecas, centros culturais, museus, ginásios – tudo foi fechando gradativamente. Hoje o cenário é de uma cidade fantasma. Bares, restaurantes, cinemas, teatros, parques, parques infantis, tudo fechado. A circulação nas ruas está restrita a idas ao supermercado (sempre desacompanhado), farmácias, trabalho quando não for possível o tele-trabalho, atender a pessoas idosas dependentes de cuidados ou crianças. Passear com o cachorro também está permitido, brevemente. Fora isso, a polícia está nas ruas fiscalizando os cidadãos e orientando que fiquem em casa. A multa e prisão em caso de desobediência pode ser aplicada.

Cidades estâo fechando fronteiras. Ontem a fronteira terrestre entre Portugal e Espanha foi fechada. Embora os aeroportos, estações de trem e ônibus sigam funcionando, a orientação é NÃO SAIA DE SUA CASA!

Mas porque uma doença que dizem não ser assim tão letal em relação a outras está parando vários países no mundo?

A resposta é simples: alto grau de contágio. Uma pessoa pode infectar de 3 a 4 pessoas. Isso são 3 vezes mais do que a gripe comum. E vejam, diferente do que muitos pensam (inclusive eu pensei assim), o Covid-19 não é uma gripe. Tem sintomas parecidos, mas não é. E o que está acontecendo é que o número de infectados está crescendo rapidamente, causando super lotação nos hospitais. A maioria sairá vivo? Sim, mas a minoria que necessita de cuidados intensivos ficará sem leitos hospitalares, porque mesmo sendo uma minoria já será o suficiente para colapsar a rede de saúde.

Infelizmente não se trata de histeria coletiva, pânico generalizado ou qualquer outro nome que se queira dar. A situação é grave e pede uma reação rápida, tanto dos governos como de cada cidadão. Não é hora de alimentar teorias conspiratórias, é hora de agir. E só existe uma maneira de resposta: abster-se 100% do convívio social.  Ficar em casa. Simples e ao mesmo tempo difícil, não?

Acredito que de toda a situação podemos tirar um aprendizado. Este é o momento de repensarmos como lidamos com nossas próprias vidas. Nossas prioridades. Nossa família. Pensar que o fato de abraçar minha mãe pode condená-la a morte é forte, não? Eu sou saudável, minhas filhas são saudáveis, não fazemos parte do grupo de risco, mas ela sim. E podemos ser vetores, carregando o vírus sem saber. E você também.

Se fazes parte do grupo de pessoas que ainda acham que não é nada, que “aqui não vai chegar” , que logo passa, pare e mude sua visão. Ela te fará reacionar mais lentamente do que o tempo em que isso tudo pode chegar até você. Não há motivo para pânico, mas também não há motivo para sentar e esperar.

Ao final, vamos dar mais valor a nossa liberdade, à família, aos abraços, a poder ver o pôr do sol, ao nosso trabalho e ao mundo que nos rodeia. Eu ainda tenho esperança de ver as cerejeiras e amendoeiras floridas nesta primavera!

Abaixo, o post inicial:

Na última semana houve um aumento repentino de diagnósticos, justamente quando a Itália passou a ser considerada zona de risco. E de fato, muitos dos casos diagnosticados aqui foram em pessoas que tinham acabado de voltar de lá. Embora o número tenha crescido, no nosso dia-a-dia nada mudou.

Oficialmente hoje, 06 de março de 2020, são 365 casos na Espanha, sendo 137 em Marid. O número de óbitos é de 5, sendo 2 em Madrid.

Atualizado 11/03: 2.140 casos em Espanha, 48 óbitos, 1024 casos positivos em Madrid.

A recomendação do governo é seguir vida normal  é evitar sair de casa, evitar aglomerações e espaços públicos. As aulas não foram canceladas por 15 dias a partir de hoje, 11/03. Pessoas seguem trabalhando normalmente se possivel de casa, nas ruas se vê muito pouca gente usando máscaras. Nos metrôs também. É verdade que as ruas do centro estão bem mais vazias de turistas, principalmente de chineses. Mas até o momento nenhum museu ou monumento foi fechado. Museus, centros desportivos e culturais e bibliotecas foram fechados a partir de hoje. Eventos esportivos serão realizados a portões fechados e muitos estão sendo cancelados.

Coronavírus em Madrid – como proceder

A orientação em caso de surgimento de sintomas é não ir a nenhum centro de saúde, mas ligar para o telefone que foi disponibilizado para gerenciar a crise, o 900-102-112.

Também recomenções básicas como lavar bem as mãos, nao tossir ou espirrar sem proteger o rosto com um lenço ou usando o braço (nunca espirrar diretamente nas mãos).

As medidas do governo tem carater preventivo, para que a epidemia não avance ainda mais e as pessoas mais vulneráveis ao vírus sejam atingidas. O momento é de seguir as orientações do governo e não entrar em pânico

Acredito que a medida que as pessoas entram em pânico a situação foge do controle. Temos que tomar as precauções de sempre, mas que deixamos de fazer porque já estamos acostumados a pegar uma gripe no inverno. Este é um vírus novo e claro, causa muita insegurança. Nós acabamos de chegar de uma viagem internacional e em nenhum momento cogitamos cancelá-la.

O que eu tento passar para as meninas é que temos que nos proteger e prevenir. E isso é para qualquer doença. Uma alimentação que fortaleça nosso sistema imunológico, usar o álcool gel sempre que sair de um local público, lavar as mãos sempre que possível e não levar as mãos a boca ou olhos.

Outro dia recebi uma lista de alimentos que ajudam a aumentar a imunidade.  Incluir muitas frutas, verduras e alimentos ricos em vitaminas A, C, D, E complexo B, Zinco e Selenio.

As frutas de cor laranja e vermelha são ricas nessas vitaminas.

Frutas: acerola, laranja, kiwi, morangos, cranberry, blueberry.

Verduras: brócolis, couves, espinafres e todos os vegetais verdes escuros.

Fontes de zinco: oleaginosas, cereais integrais, leguminosas como feijões, ervilha, grão de bico e soja.

Ricos em vitaminas E: oleaginosas e óleos vegetais.

Fonte de licopeno: tomate

Omega 3: azeite e salmão

Selênio: cogumelos e castanha do Pará

Gengibre é rico em vitamina B6. Gosto de fazer um chá com gengibre, limão, cúrcuma e mel.

Comer pimentão vermelho e verde e não esquecer do alho e da cebola.

O própolis tambem é muito bom pra fortalecer a imunidade.

Toda semana passo para atualizar este post com os dados oficiais e deixo o link do governo para quem quiser acompanhar diariamente a situação na Espanha.

 

Viva Madrid Tours exclusivos e personalizados

Conheça Madrid em um tour exclusivo e personalizado, em português, com quem vive aqui e vai te mostrar a cidade com os olhos de morador e a curiosidade de quem está sempre procurando coisas novas e é encantada pela cidade!

Para mais informações entre em contato pelo e-mail contato@melamilpelomundo.com ou pela nossa página https://www.facebook.com/vivamadridturismo/

Sabia que pelo blog você pode programar toda sua viagem?

Vindo para Madrid? Aproveite as ofertas de hospedagem do Booking!

Booking.com

 

Se precisar de TRANSFER do aeroporto até o seu hotel e vice-e-versa? Conte com nossos parceiros, que estarão te esperando no desembarque, oferecendo toda a comodidade para que sua chegada seja tranquila. Aproveite e compre os ingressos sem fila, aproveitando cada segundo da sua estadia!

Precisando de carro para viajar? Faça sua cotação por este link da Rentcars, nossa parceira de viagens

Precisa alugar um carro? Reservando conosco pela Rentcars você consegue as melhores condições e ainda colabora com o blog, sem nenhum custo adicional.

Lembre-se: o seguro é obrigatório nas viagens para a Europa. Contrate o seu aqui!

Não esqueça que para entrar em alguns países o seguro de viagem é obrigatório. Faça sua cotação com nosso parceiro e obtenha as melhores condições junto às melhores seguradoras do país.

Chegue ao destino conectado

Quer chegar ao seu destino já totalmente conectado, com internet ilimitada e acesso ao Whatsapp, redes sociais e Maps? Compre seu chip da America Chip aqui conosco e compartlhe os melhores momentos!

 

Juliane

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados *

This error message is only visible to WordPress admins

Error: API requests are being delayed for this account. New posts will not be retrieved.

There may be an issue with the Instagram access token that you are using. Your server might also be unable to connect to Instagram at this time.

Error: No posts found.

Make sure this account has posts available on instagram.com.

Click here to troubleshoot

Error: admin-ajax.php test was not successful. Some features may not be available.

Please visit this page to troubleshoot.




© Copyright - 2017 Mel a mil pelo mundo. Todos os direitos reservados.